Processo criativo no design: como se inspirar para seus projetos?

Criatividade e inspiração são dois conceitos indissociáveis, que precisam caminhar juntos para que ambas se tornem realidade. Por isso, quem trabalha na área entende a importância do processo criativo dentro do design.

Por mais que não haja uma fórmula mágica que permita a chegada da inspiração em um piscar de olhos ou estalar de dedos, é possível escalar algumas etapas para conseguir chegar ao topo deste monte, o qual parece tão próximo em algumas ocasiões e quase impossível de se alcançar em outras.

Saiba como estimular a criatividade e fazer com que aquelas inspirações incríveis sejam mais comuns em sua mente, o que por sua vez pode te fazer ser um profissional de design ainda melhor e com ideias que realmente chamam a atenção!

Quão importante é a criatividade?

Muito! Este fenômeno em que algo novo e valioso se forma na mente é fundamental em praticamente todas as áreas, com um grande destaque para o design e a arte em geral, já que não há um roteiro a se seguir a não ser o que for proposto pela mente.

Algumas estatísticas, seguidas de suas respectivas fontes, podem lhe ajudar a compreender quão importante é o processo criativo e como ele tem um potencial absurdo:

  • Segmentos criativos possuem maior crescimento profissional e um menor índice de perda de emprego do que outros setores da economia (Center for Creative Economy).
  • 75% das pessoas acreditam que não estão vivendo com todo o seu potencial criativo (Adobe).
  • 6 a cada 10 pessoas sentem que ser criativo é valioso para a economia de seus países (Adobe).
  • É sentida mais pressão para ser produtivo do que para ser criativo no trabalho. Nos Estados Unidos e no Reino Unido, 80% das pessoas se sentem assim, número que sobe para 85% na França (Adobe).
  • Aproximadamente 60% dos CEOs entrevistados citaram a criatividade como a qualidade de liderança mais importante, seguida pela integridade (52%) e pelo pensamento global (35%) (IBM).

O processo criativo no design que se mostra como importante não apenas no mercado profissional, como também em várias outras áreas. Isso é mostrado pelas estatísticas, mas, ao mesmo tempo, percebe-se que não há tanto incentivo quanto necessário para a criatividade.

Agora que não há dúvidas sobre a importância do processo criativo, é chegada a hora da aplicação prática: o que deve ser feito para que a criatividade seja estimulada e, assim, traga seus bons resultados?

Como estimular a criatividade para seus projetos profissionais e pessoais?

Ao aplicar as seguintes dicas, você conseguirá trabalhar sua mente para atingir picos de criatividade com maior frequência!

Quebre a rotina

Insanidade é continuar fazendo sempre a mesma coisa e esperar resultados diferentes. A frase tradicionalmente é atribuída a Albert Einstein, mas a primeira vez que apareceu foi em um panfleto da organização “Narcóticos Anônimos”, em 1981, mais de 25 anos depois da morte do físico alemão.

Seja quem foi a mente que elaborou essa bela afirmação, não há dúvidas de que ela é verdadeira. É difícil que o processo criativo na arte (ou em qualquer outra área) traga os resultados esperados quando se está em uma rotina.

É claro que isso não significa que você deve abandonar seu trabalho e mudar de cidade repentinamente, mas busque fazer coisas novas. Elas podem trazer inspirações bem interessantes em seu cérebro, já que as situações com as quais se depara serão diferentes.

Esteja em contato com pessoas criativas

Felizmente, coisas boas são contagiantes, e pode-se dizer que o mesmo acontece com o processo criativo. Estar nos mesmos lugares, projetos e conversas pode ajudar a desenvolver sua criatividade.

Discuta sobre ideias de brainstorming, projetos atuais e desafios da profissão, além de comentar a respeito de outras boas fontes de inspiração. Dessa forma, todos saem ganhando.

Respire ar fresco

Você pode debater os maiores mitos sobre bancos de imagens com os outros designers da equipe ou com amigos, pesquisar inspirações interessantes na internet ou aprender a usar uma nova ferramenta no trabalho, mas não deixe de separar um horário para tomar ar fresco e sair da frente do computador.

O processo criativo na arte precisa de gatilhos e inspirações, os quais nem sempre estão na sala do escritório ou no home office. Sair, olhar pessoas, paisagens, prédios e as nuvens pode trazer ótimas ideias à mente.

Quando sentir que o processo criativo no design está bloqueado, espaireça a mente e dê uma volta no quarteirão (ou mesmo uma olhada demorada pela janela). Dessa forma, a inspiração pode vir junto com a respiração e, assim, fazer com que você supere a barreira que impede sua criatividade de fluir.

Estimule o seu processo criativo!

Coloque as recomendações em prática no seu dia a dia e veja como seu desempenho será muito melhor. Afinal de contas, não há como abrir mão da criatividade, uma das qualidades com potencial de mudar o mundo para melhor e, assim, espalhar boas inspirações.

Fonte: Designerd

O que achou da matéria? Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s